sábado, dezembro 29, 2012

2012-2013


2012
Um ano marcante.
Arrisco-me a dizer que um dos melhores.
Ficou marcado por coisas menos boas e por outras muito boas mesmo!
A luta foi uma constante e as recompensas foram grandes.
Conquistas, mérito, reconhecimento e concretização de grandes sonhos.
Mudança!
Mudança para melhor.
Evolução.
Descobertas!
Um ano em que mais uma vez me surpreendi a mim mesma. Em que mais uma vez vi que consigo ir mais longe do que penso. Que o "não consigo" e a monotonia não são para mim.
Que consigo suportar mais do que penso. Que tenho mais força do que imagino. E que os limites, são sempre mais além do que penso ser. Talvez não existam mesmo!
Um ano que me tornou mais forte, mais segura. Com mais vontade de aproveitar cada momento.
Um ano de aventuras, de sorrisos e de boas amizades.
De recordações que vão ficar para sempre guardadas.
Um ano fantástico!

Um ano que ficou marcado pela Positiva!


E ao fechar os olhos, com este som, consigo reviver tudo isso em 8 minutos!






Um Feliz 2013!

quarta-feira, dezembro 26, 2012


Coisas boas da vida: Chá quente em noites de Inverno

segunda-feira, dezembro 24, 2012

domingo, dezembro 23, 2012

Já existe vestido para a passagem de ano...e só assim lindo, lindo, lindo! *.*

sábado, dezembro 22, 2012

Coisas Boas da Vida

Acordar sem despertador e com pequeno almoço na cama! Que saudades que eu tinha disto *.*

sábado, dezembro 15, 2012

domingo, dezembro 09, 2012

Step Up Revolution



Mais um por que me apaixonei.
[É, sou muito dada a paixões :]


terça-feira, dezembro 04, 2012


‎"A vida, à força, faz-me perceber que tudo a seu tempo tem o seu valor. Não me deixes partir sem entender o que temos aqui. Não me deixes partir sem entender o que temos nós dois."

domingo, dezembro 02, 2012

Sweet December


Ainda agora começaste e já me andas a surprender :)
Que mania que a vida tem de me trocar sempre as voltas.... (E tanto que eu gosto de ser bem surpreendida)

sexta-feira, novembro 30, 2012

domingo, novembro 25, 2012

1 Ano de AMCT

Faz hoje 1 ano que me estreei em palco com esta maravilhosa família da qual tenho muito orgulho em pertencer!
Há um ano atrás subi a palco sim, mas apenas com dois ensaios após ter estado cerca de dois anos sem tocar clarinete. Como se pode imaginar foram mais as notas que se transformaram em pausas do que as que foram tocadas. Sustenidos e bemóis só mesmo os mais básicos e quando havia muitas colcheias seguidas... ainda não as conseguia ler. Mas não foi preciso muito tempo para tudo se recompor e pouco a pouco ir melhorando. 
Um ano passou... confesso que não sou nenhuma "expert", estou muito longe de o ser. Mas muita coisa evoluíu. Há notas que ainda saem ao lado, mas a maioria delas já são tocadas. Já lá vão 8 anos desde que ando neste mundo da música e posso afirmar que nunca toquei tanto como toco agora. Nunca me senti tão empenhada em tocar bem e com tanta vontade de ir aos ensaios e saídas. É bom sentir que sou importante e não "descartável". É bom sentir isso.
À AMCT só tenho a agradecer por me terem recebido tão bem e me terem dado esta oportunidade.
Hoje, 1 ano depois, voltei a pisar o mesmo palco, orgulhosa de fazer parte desta família tão lutadora e que muito tem evoluído. 
Sei que conseguiremos ir muito mais longe!


segunda-feira, novembro 19, 2012

" A vida detesta equívocos e,  não sei como, arranja sempre maneira de nos obrigar a desfaze-los. Mais tarde ou mais cedo, encosta-nos um revólver à tempora e diz: Explica-te!"

domingo, novembro 18, 2012


Perdeu-se!
Perdeu-se mesmo muito.
Mas eu sei que não perdi. Eu apenas ganhei.

terça-feira, novembro 13, 2012

"A verdade é que continuamos a desvalorizar o poder que exercemos sobre os outros, achando sempre que não conseguimos atingir o interlocutor. Mentira: basta, por vezes, uma frase agreste, para lhe provocar os mais estranhos comportamentos, equívocos e intenções. Depois, o outro fica embatucado, digerindo o quelhe dissemos, e nós supomo-lo indiferente. Outro erro: a indiferença não passa de uma atitude, pois ninguém é imune a insultos, reparos ou desconsiderações. É então que carregamos no tom e reincidimos, tentando ao menos abaná-lo, e que o outro, já ferido, reage de forma imprevisível. 
As palavras, por exemplo: têm um valor facial tão poderoso ou mais do que a intenção que lhe preside. Ou o contrário: o tom que usamos ou a expressão que esboçamos podem causar mais dor e ressentimento do que uma bofetada em pleno rosto. Sabemo-lo por nós, que raramente recordamos o que os outros nos dizem, literalmente, fixando apenas a forma desagradável ou antipática como se nos dirigem: «Fez um ar arrogante», «Disse-o de costas, sem sequer se levantar», «Olhou-me, insolente». Seria bom saber a quem, ou como, tivemos o condão de tocar, mas essa consolação ninguém a tem."


Não me contes o Fim, Rita Ferro

domingo, novembro 11, 2012




"uma mulher não desiste, cansa-se, temos essa coisa de ir até ao fim, esgotar todas as possibilidades, pagar para ver, e pagamos mesmo, pagamos caro, com juros. mas não tem preço sair de cabeça erguida, sem culpa. completamos o percurso e às vezes ficamos a andar em círculos, mas quando decidimos mudar de caminho, meu amigo, é o fim do jogo."

sexta-feira, novembro 09, 2012




Sabemos sempre quando é a primeira vez que uma coisa acontece,
Mas nunca podemos dizer com certeza que é a última vez. Nunca o sabemos.

domingo, novembro 04, 2012



Sinto-me completamente apaixonada pela vida que tenho. E isso é tudo o que preciso.

quinta-feira, novembro 01, 2012

Check!



Borinhas lavado e aspirado - ->  Check!
Analisar 10 páginas do INSPIRE - Hydrography - -> Check!
Acabar exercício de Fotogrametria Analítica  - -> Check!
Acabar exercício de Bases de Dados - -> Check! 

Projecto de  Bases de Dados - - > Já a seguir!

Gosto de sentir que os dias rendem, faz-me ficar bem disposta!





quarta-feira, outubro 31, 2012


E eu tenho aproveitado cada um deles da melhor forma possível. 

domingo, outubro 28, 2012

Depois de umas horinhas de filarmónica, agora é hora de chá, bolachas e muita Fotogrametria Analítica. 
Let's Do It

quarta-feira, outubro 24, 2012

Paragem cerebral...



... é quando sais de casa em dia de chuva com uns ténis de pano. O resultado é óptimo! :)
Escolhi o dia certo para não me apetecer botas.

segunda-feira, outubro 22, 2012

Se tivesse palavras para descrever tudo isto, a vida não teria o mesmo encanto.

sábado, outubro 20, 2012



Se há coisa que os meus queridos paizinhos me conseguiram ensinar bem foi a não ser cobarde. E disso, só posso ter orgulho!

terça-feira, outubro 16, 2012



Is really too much for you. And you know that! ;)

domingo, outubro 14, 2012


Ora aí está, toda uma verdade! :)

sábado, outubro 13, 2012


Percebo que estou no sítio certo quando me sinto a evoluir constantemente e com vontade de ser cada vez melhor. Percebo que estou no sítio certo quando me dou conta que as pessoas que ali estão, não podiam ser melhores do que são, que me sinto como em casa e que o ambiente é do melhor.
Não temos muito, podemos não ser os melhores, mas com a força e a dedicação que temos vamos evoluindo,  vamos crescendo e havemos de chegar longe. E isso, faz de nós o melhor grupo!

sexta-feira, outubro 12, 2012

quarta-feira, outubro 10, 2012

segunda-feira, outubro 08, 2012

domingo, outubro 07, 2012

Aquisições recentes


 Estes vieram do baú. Já estão na família há algum tempo e adorei-os, não pude deixar de parte.



Adquiridas em saldos. 13€ pelas duas.




Foi desta que enlouqueci e comprei um vestido comprido. Nunca gostei muito de me ver este tipo de vestidos, mas a este não resisti. Fica mesmo liiindo.

Ando a ler...

É o quarto livro que leio da Lesley Pearse, apaixonei-me por todos eles e não tenho dúvidas de que este seguirá o mesmo rumo. Em 'wishlist' já se encontra o outro livro desta autora, "Nunca Digas Adeus".
Mas antes da 'whishlist', já moram cá em casa, em lista de espera, 8 livros para serem lidos (sou capaz de ter leitura para durante um ano).
Cá seguem eles:









Tenho um amigo que diz que eu vivo no mundo da lua porque só leio romances...
Eu continuo a achar que não é essa a razão.

Bom dia!


E hoje apetecia-me um destes para sobremesa... mas este já foi todo distribuído pelas barriguitas cá de casa. E bem que elas gostaram. Gulosas!